Darktraces

                                                                                                                                         © Joana Castro

"Rara é a coragem de olhar pela morte dentro

entre batimentos e estranhas divindades.

Mas é preciso olhar. Não há outra passagem.

Dela um só relance redime o sofrimento."

Carlos Poças Falcão





Darktraces é uma performance/instalação para cinco corpos.
O negro enquanto matéria-prima. A escuridão como fonte, que deu origem a tudo.
E no fim, o que permanece?

Este projeto será apresentado no contexto do Corpo + Cidade / DDD Out, inserido no Festival DDD (Teatro Municipal do Porto).